A morte do quati - Tirinha do Calvin





De todas as histórias criadas por Bill Watterson entre 1985 a 1995 estreladas por Calvin, um garoto hiperativo de seis anos de idade, com imaginação fértil, e Hobbes, seu tigre de pelúcia com nome de filósofo inglês que foi rebatizado como Haroldo aqui no Brasil, a minha predileta é aquela que ficou conhecida como “The Raccoon Story” (a “história do quati”).




Esta seqüência de tirinhas, publicada originalmente em março de 1987, é a maior prova da capacidade que Bill Watterson possui de transformar uma HQ cômica em um veículo capaz de invocar emoções e pensamentos filosóficos de uma maneira comovente e inesperada. Não foram poucas as pessoas que conheço que me disseram que choraram ao acompanhar esta história do quatizinho.


“Eu estou chorando porque aqui fora ele se foi, mas ainda continua dentro de mim”. A frase com a qual Calvin resume sua compreensão intuitiva acerca do maior mistério de todos é para mim uma das grandes frases da literatura de todos os tempos. É uma pena que Bill Watterson, após ter deixado de fazer as tiras de Calvin & Haroldo em 1995, não tenha publicado mais nada desde então.




Esta seqüência de tiras está disponível, em seu formato original, no post “25 Great Calvin and Hobbes Strips”, do blog Progressive Boink, e em tamanho maior no blog Depósito do Calvin. Não deixe de visitar ainda o site oficial dos personagens, e de adquirir os livros de Bill Watterson, publicados no Brasil pela editora Conrad.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Quando ano novo é sinal de vida nova? - Mario Sérgio Cortella

Resumo do Livro: Educação dos Sentidos - Rubem Alves